A Importância dos pés

Os pés e as mãos têm a mesma estrutura básica e a mesma sensibilidade, no entanto, os pés, conseguem ser a nossa parte vivente mais subestimada, e esquecida.

Os pés são a porta através da qual recebemos energia da Terra, o modo como nos ligamos a ela, o nosso apoio e numa visão mais holística as nossas raízes. Eles revelam a nossa atitude perante a vida, falam sem palavras. São um reflexo do corpo, da mente e das emoções que vivemos. Neles, vemos os nossos medos, as nossas tristezas, os nossos sentimentos e emoções. As transformações que passamos ao longo da vida, ficam marcadas neles. Eles são um reflexo da alma.

Destinados a pisar e a percorrer a terra, os pés suportam diariamente o peso do nosso corpo e cada pessoa anda em média 110 000 km ao longo da sua vida.

Os pés são os componentes básicos da cadeia cinética, produzem o movimento e atuam como amortecedores. Os pés são os alicerces do nosso corpo.

Anatomicamente cada pé é constituído por 26 ossos: 14 falanges, 5 metatarsos e 7 tarsos — 3 cuneiformes, cuboide, escafoide, astrágalo e calcâneo. Têm 117 ligamentos(tecidos fibrosos rijos que se encontram entre os ossos nas articulaçõe), 33 articulações e tendões, (tecidos cuja principal função é suportar as articulações) e 20 músculos (responsáveis pelos movimentos do pé). No pé existem 3 arcos: 2 longitudinais  de cada lado e um transversal.

São sete os nervos que inervam os pés: o nervo safeno, os nervos fibulares, superficial e profundo, o nervo plantar medial,  o nervo plantar lateral, e  o nervo sural.

Ao nível de irrigação arterial o sangue circula através da artéria dorsal,  artéria plantar profunda,  artéria plantar lateral, artéria plantar medial e artéria plantar lateral. O sangue retorna através das veias ao coração, levando os produtos residuais, através das veias perfurantes,  veias digitais dorsais, e da rede venosa plantar.

Os pés também possuem drenagem linfática, e os vasos linfáticos distribuem-se por todas as regiões destes. A drenagem da face medial do dorso e da planta do pé, é feita para linfonodos inguinais superficiais para os linfonodos inguinais profundos. A drenagem linfática, especialmente da face lateral da região dorsal e da planta do pé, é realizada para os linfonodos poplíteos.

Nos pés existem cerca de 7500 terminações nervosas que estão interligadas a toda a estrutura corporal, por essa razão a reflexologia podal é o sistema mais utilizado de multireflexologia.

Problemas nos pés podem provocar queixas ao nível das articulações, joelhos, ancas e até na coluna vertebral.

Existem vários fatores que podem causar dores e desconfortos nos pés, desde lesões nos ligamentos e músculos, inflamações nervosas e até tumores de partes moles.

Num futuro post falarei sobre as principais patologias que podem ocorrer no pé e de que modo a Reflexologia pode ser uma aliada no processo de cura.

Os pés são os eternos esquecidos, A partir de hoje, comece a dar-lhes a importância que eles merecem.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: